top of page

Páscoa 2023: Filé Mignon com Cogumelos e Batatas Assadas | Receita




A páscoa é uma das celebrações mais importantes na nossa família. Começamos a refletir sobre a história bíblica de redenção, sacrifício e ressurreição muito antes do feriado da páscoa em si. Aliás, costumamos seguir as histórias de Jesus desde o seu nascimento no Natal até sua morte e ressureição na Páscoa. Depois de celebrarmos o domingo da ressureição, vamos continuar refletindo e estudando as histórias do novo testamento durante algumas semanas até voltamos ao início da história em Gênesis.


Esse ritmo tem sido muito gostoso para a nossa família. Cada estação está agora conectada a uma história bíblica e assim nosso coração fica mais ligado à eternidade e ao Reino de Deus.


Falando mais especificamente da Páscoa, costumo preparar algum tipo de cordeiro neste dia. Já fizemos Ragu de Cordeiro ou Cordeiro Grelhado com Molho de Ervas e Pão sem Fermento Judeu (o Matza). A ideia é usar a comida como ilustração da história da primeira páscoa, quando Deus libertou o povo de Israel da escravidão do Egito. Nesta ocasião, os hebreus comeram cordeiro, ervas amargas e pão sem fermento antes de atravessarem o mar vermelho.


Você se lembra dessa história? Os israelitas escravizados sofriam até que Deus enviou Moisés para ser libertador deles. O Senhor enviou 9 pragas como atos poderosos de juízo para que todos soubessem que somente Ele era Deus. O faraó se endureceu, não deixou o povo ir e então Deus enviou a última praga. Ele disse:


"Naquela mesma noite passarei pelo Egito e matarei todos os primogênitos, tanto dos homens como dos animais, e executarei juízo sobre todos os deuses do Egito. Eu sou o Senhor!"

Exôdo 12:12.


Mas Deus, com sua sabedoria, justiça, misericórida e graça deu a salvação aos israelitas. Ele orientou seu povo a sacrificar um cordeiro sem manchas ou defeitos e passar o sangue do animal nas vigas superiores das portas das casas israelitas. Eles deveriam assar a carne do animal e comer com ervas amargas e pão sem fermento apressadamente e em família, prontos para irem embora do Egito no dia seguinte.


Assim, naquela primeira Páscoa, o sangue do cordeiro salvou os israelitas. Eles foram poupados da morte e libertos do Egito. Deus mandou que celebrássemos a páscoa como um memorial perpetuamente. Essa festa, no entanto, não diz respeito só a esse povo de Israel: ela já apontava para Cristo e para seu sacrifício por todo o seu povo de todas as épocas e nações!


"Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo". Foi o que João Batista disse sobre Jesus. O cordeiro do velho testamento apontava para o verdadeiro Cordeiro Pascal, Jesus Cristo. Só Ele é sem mancha, sem defeito e sem pecado. Somente Cristo poderia pagar pelos pecados de toda a humanidade com o seu sangue. E por amor a nós e em obediência a seu Pai, Jesus morreu:

"Mas ele foi traspassado

por causa das nossas transgressões,

foi esmagado por causa

de nossas iniquidades;

o castigo que nos trouxe paz

estava sobre ele, e pelas suas feridas

fomos curados. Todos nós, como ovelhas,

nos desviamos,

cada um de nós se voltou

para o seu próprio caminho;

e o Senhor fez cair sobre ele

a iniquidade de todos nós. Ele foi oprimido e afligido;

e, contudo, não abriu a sua boca;

como um cordeiro,

foi levado para o matadouro;

e, como uma ovelha que diante de seus

tosquiadores fica calada,

ele não abriu a sua boca."


Isaías 53: 6 a 8


Jesus nos salvou dos nossos pecados e da nossa maneira vazia de viver (1 Pedro 1:18 a 20) com seu precioso sangue. Por meio de sua morte, fomos reconciliados com Deus (Romanos 5:10). A redenção em Cristo Jesus já é maravilhosa demais para mim... mas a melhor parte é a seguinte: Jesus ressuscitou!

"Mas Deus o ressuscitou dos mortos, rompendo os laços da morte, porque era impossível que a morte o retivesse." Atos 2:24

Jesus venceu a morte! Por meio da ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos, Deus nos regenerou para uma esperança viva! Ah! Que dia maravilhoso será quando o povo de Deus de toda língua e nação louvará o Cordeiro juntos! Como será gloriosa a volta do nosso Senhor.


Então olhei e ouvi a voz de muitos anjos, milhares de milhares e milhões de milhões. Eles rodeavam o trono, bem como os seres viventes e os anciãos e cantavam em alta voz: "Digno é o Cordeiro que foi morto de receber poder, riqueza, sabedoria, força, honra, glória e louvor"Apocalipse 5: 11 e 12.

Você provavelmente abriu este post para pegar uma receita para páscoa e a receita vem logo a seguir. Mas eu não podia deixar de te contar a verdade que salvou a minha vida!

Neste ano, não encontrei cordeiro para vender em bom preço e sim uma bela peça de filé mignon. Por isso, fizemos a nossa celebração com esta carne. Nem por isso deixamos de lembrar do verdadeiro cordeiro pascal: Jesus Cristo.




 

Filé Mignon com Cogumelos


Rendimento: 6 porções.

Nível de Dificuldade: Fácil.

Tempo de Pré-preparo: 30 min.

Tempo de Cocção: 20 min

Armazenamento: Melhor na hora, mas pode ser mantido na geladeira por até 3 dias.


Ingredientes

  • 1kg de batatas

  • 1/2 colher de chá de páprica doce

  • Sal e pimenta do reino a gosto

  • Um pouco de óleo ou azeite para grelhar a carne e assar as batatas

  • 8 medalhões de filé mignon bovino

  • 1/2 cebola em cubos pequenos

  • 300g de cogumelos frescos

  • 1 colher de sobremesa de manteiga gelada

  • 150mL de vinho branco ou tinto

  • Tomilho fresco a gosto

Modo de Preparo

  1. Retire o filé da geladeira 30 minutos antes de grelhar para que eles estejam à temperatura ambiente.

  2. Em uma travessa, coloque as batatas e tempere com azeite, sal, páprica doce e pimenta do reino. Asse em forno pré aquecido a 200˚C por cerca de 30 minutos, ou até ficarem douradas e crocantes.

  3. Tempere com sal e pimenta do reino.

  4. Coloque um pouquinho de azeite e esfregue nos filés.

  5. Aqueça uma frigideira com um tiquinho de óleo (só para a panela não queimar).

  6. Coloque os filés na frigideira quente: deixe por 2 - 3 minutos (dependendo do ponto que você quiser, este ponto do vídeo foi de 2 minutos e meio). Vire os filés com uma espátula ou pinça (NUNCA FURE O FILÉ). Deixe mais 2 - 3 minutos.

  7. Retire os filés da frigideira e coloque em um prato. Cubra com papel alumínio para manter o calor e descasque por 3-5 minutos antes de servir.

  8. Durante estes minutos, coloque 1/2 colher de sobremesa de manteiga na panela ainda "sujinha" da carne e a cebola. Refogue por alguns instantes.

  9. Acrescente os cogumelos e refogue até que estejam dourados. Adicione o vinho e deixe o álcool evaporar.

  10. Adicione o restante da manteiga e o tomilho e misture.

  11. Sirva o filé com os cogumelos por cima.

  12. Retire as batatas do forno quando estiverem crocantes por fora, douradas e macias por dentro. Sirva com a carne.




 

Conheça nosso Livro!


 

O que usamos na cozinha?


Utilizando nossos links, você apoia o canal com comissão da venda!



 

O que te impede de ser mais saudável?


Falta de organização ou planejamento?

Baixa habilidade culinária?

Dificuldade de saber o que de fato é saudável?

Pouco tempo para cozinhar?

Suas emoções ditam o que você come?



No "Descobrindo a Cozinha Saudável", depois de meses de preparo (eu diria até anos), vou dividir com você tudo o que aprendi sobre como ultrapassar obstáculos assim! E te mostrar o meu Método Cardápio Versátil, criado justamente para ajudar nestes desafios.


Vamos usar ferramentas simples e eficientes para diminuir o desperdício de alimentos, otimizar o trabalho na cozinha, planejar as refeições e preparar delícias saudáveis para o dia a dia.



153 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page